Acidente ferroviário de Alcafache “O 11 de Setembro Português”, foi há 26 anos

Posted: 19/09/2011 in Canas de Senhorim, Fotoreportagem
Tags: , , , ,

11 de Setembro de 1985, 15h57m: Parte da Estação Ferroviária de Porto-Campanhã, com 17 minutos de atraso, a composição internacional número 315, denominada Sud-Express, com destino a Vilar Formoso, de onde iria seguir viagem para Espanha e França.

16h55m: Parte, à hora prevista, a composição regional número 1324, da Estação Ferroviária da Guarda, com destino a Coimbra.

18h35m: Dá-se a colisão entre as duas composições, entre o actual apeadeiro de Moimenta-Alcafache e a Estação de Nelas.

11 de Setembro de 2011, 26 anos após o maior acidente ferroviário em Portugal, a dor, emoção e a lembrança, ainda perdura nos sobreviventes, familiares das vitimas, equipas de socorro e nos residentes das imediações deste trágico acidente.

A cerimónia deste ano foi Presidida pelo Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas – José Cesário. Após a revista à formatura dos Bombeiros, seguiram-se alguns discursos, numa cessão onde tiveram lugar alguns testemunhos de sobreviventes, familiares, equipas de socorro e Caminhos de Ferro, Liga dos Bombeiros Portugueses, Presidente das autarquias de Nelas e Mangualde, deputados do ciclo eleitoral de Viseu.

José Cesário, defendeu que a melhor forma de homenagear as vítimas do acidente ferroviário de Alcafache é desenvolver mais o país para evitar continuar a assistir à vaga de emigração. Lembrou ainda que a maior parte dos passageiros do Sud-Express eram Portugueses que iam pela Europa fora para ganhar o seu pão, afirmou ainda que também hoje se vêm obrigados a fazer o mesmo.

Carlos Ramos, um dos sobreviventes, viveu horrores nesse dia! “…Salvei duas pessoas, mas já não consegui a terceira…”, contou, emocionado, Carlos Ramos ficou com queimaduras em 70% do corpo e já fez 31 operações plásticas.

Augusto Sá, é o representante da Associação dos Emigrantes de Sta. Maria de Válega-Ovar . Augusto perdeu neste acidente o Pai e a Irmã que ficaram carbonizados nos escombros, os restos mortais nunca foram encontrados, foram sepultados numa vala comum junto ao local do desastre, aonde também foi erguido um monumento em memória das vítimas e das equipas de salvamento.

Dr. Américo Borges, médico e Comandante dos Bombeiros Voluntários de Canas de Senhorim em 1985, Coordenou as operações de socorro, lembrou: “Uma senhora entalada no meio dos escombros de uma carruagem dizia-nos: ‘tenham calma, tirem-me daqui quando puderem’. A calma e o carinho com que falava aos bombeiros que cortavam as inúmeras estruturas metálicas ainda hoje me marcam”, afirmou.

Comentários
  1. irineu diz:

    lembro me bem desse desastre ia eu a passa na estrada com um camiao da urgeiriça, quando vi uma altura enorme de fumo no meio da mata; parei, desci da viatura e ao entrar no meio do pinhal, vi varias pessoas a correr e a gritar… eu penssei que era fogo que havia no pinhal , mas ao cruzar com um sujeito que por acaso era um revisor do comboio, perguntei lhe o que era que se passava por ali? entao ele respondeu me que tinha sido dois comboios que bateram de frente e que eram o regional e o comboio emigrante:entao perguntei lhe se achava que havia mortos e ele respondeu me que estavam duas carruagens a arder que levavam entre criaças e adultos mais de trezentas pessoas!!! entao eu corri em direçao ao comboio e na realidade havia varias carroagens viradas, e duas delas estavam a arder;entao consegui subir para cima de de uma delas para ver se comseguia salvar alguem;parti um vidro de uma janela para tentar ir là dentro, mas ao tentar descer là dentro,veio me uma baforada de fumo para os olhos ia desmaiando;era fumo dos estofos dos bancos que estavam a arder…entretanto como nao pude entrar,e como chegou ao pè de mim um jovem bombeiro eu pedi lhe o extintor que ele tinha na mao e despejei o extintor para dentro por uma janela, e pelo encostada a uma casa de banho do comboio, e pelo que vim a saber a carruagem ardeu atè chegar à casa de banho sem que esta tenha ardido devido a haver o produto do extintor; entao eu soube que ao outro dia tiraram dessa casa de banho com vida um homem juntamente com o seu filho; o que me deixou bastante satisfeito por ter comtribuido para salvar estas duas pessoas…..subscrevo me ….irineu

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s