Em 2001, durante uma visita a um museu em Bona, deparei-me com uma Zündapp de matrícula portuguesa que começava por 1-NLS. Ao lado, os documentos atestavam que tinha pertencido a Armando Rodrigues de Sá, Vale de Madeiros.
Armando foi um ícone da política de imigração da RFA. As Zündapp foram ícone dos colegas de Armando que ficaram nos Fornos Eléctricos.

Retirado de: <a href="http://beijokense.blogspot.pt/”>beijokense.blogspot.pt

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s